sábado, outubro 30, 2010

.:Se:.


Desenho: Renata Reis

Se ela não tivesse fugido dos seus sonhos.
Se não tivesse castrado seus desejos.
Se ela tivesse ido estudar em outra cidade...
Será que tudo teria sido diferente?

Seus olhos não tinham o mesmo brilho,
Nem esperança, nem medo...
Já não tinha mais nada daquela menina que dizia
que nunca iria perder a sua essência.

Renata Zonatto

6 comentários:

Carlos disse...

Um belo desenho em combinação com um belo poema!

Parabéns a vocês pela qualidade artística de suas obras!

Anônimo disse...

Rêêêêêêêêêêê!!!!!!!!!
Adorei' :)
Estou muito feliz!Pra mim é uma honra ter meu desenho aqui, obrigada!
O poema então, maravilhoso!!!
Continue assim, com esses poemas que transbordam sentimentos,e falam por si só!
Abraço.

Renata Reis.

carlinhos disse...

legal como tu interpretou o desenho da renata, o olhar dela... (será que a renata pensou em algo assim quando fez o desenho?)

bem interessante ver a tristeza transformada em poesia, não acho que seja fácil de conseguir, sem soar piegas demais, parabéns!

Edward de A. Campanário Neto disse...

Creio que se faz extremamente necessário nos perguntarmos todos os dias o que estamos fazendo com nossas vidas.
O poema é um ponto de partida maravilho para quem tem dúvidas ou até mesmo certezas sobre a intensidade de seu ato de viver.

Sobrepuja - se disse...

Muito bonito, bem reflexivo!!!

Beatriz Araújo disse...

amo, amo, amo :)